Para Arnaldo, guardas municipais podem fazer a grande mudança na segurança pública


     Arnaldo: “Os guardas municipais conhecem sua área e podem fazer o policiamento comunitário.”


O deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) acredita que a inclusão das guardas municipais entre os órgãos da segurança pública, prevista pela Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 275/16, trará grandes benefícios no combate à criminalidade.

O parlamentar lembra que os guardas municipais conhecem bem as suas comunidades e já são capacitados para fazer a segurança.

Além da inserção na segurança pública, a PEC equipara o regime de previdência dos guardas municipais às regras de previdência dos policiais civis e militares (Lei Complementar 144/14).

“Se aprovarmos a proposta na Câmara, poderemos incrementar, em número de pessoas, quase que metade da segurança pública brasileira. Na verdade, os guardas municipais conhecem a área em qual atuam, podem fazer o policiamento comunitário e, sem dúvida nenhuma, a grande mudança da segurança pública no Brasil”, ressaltou Arnaldo.

As entidades de representação dos guardas municipais afirmam que seus profissionais já são submetidos diariamente aos mesmos riscos dos policiais civis e militares, e, no entanto, não têm o mesmo amparo legal que essas corporações de segurança.

Tramitação

A proposta será analisada por comissão especial e, caso aprovada, seguirá para o Plenário da Câmara.

Reportagem – Celimar de Meneses, sob a supervisão de Renata Tôrres
Foto – Jotaric
 

Comentários

Não existem comentários

Postagem de comentários após três meses foi desabilitado.
  • ©2018 PTB na Câmara. Todos os direitos reservados.